Fim do Tempo da Graça

 porta fechando

Estamos vivendo os últimos dias da história desse mundo de pecado. É extremamente importante estarmos atentos para a obra que o Senhor deseja realizar em nossa vida. Esta obra nos preparará para os acontecimentos previstos pela palavra de Deus e que em breve se tornarão realidade.

Selecionamos alguns textos do livro A Vitória da Igreja na Crise Final, publicado pela Casa Publicadora Brasileira. Nestes textos encontramos informações importantes sobre o fato de que devemos aceitar que o Senhor purifique plenamente nossa vida hoje nos preparando para a salvação. O autor, Pr. Fernando Chaij, nos alerta para o perigo de se perder a salvação ao negligenciarmos o devido preparo hoje.

Cinco acontecimentos que ocorrem na igreja

“São cinco os grandes acontecimentos que ocorrerão no panorama da igreja e que afetarão profundamente a seus membros, a todos os filhos de Deus. São eles: a sacudidura, a reforma, o selamento, a chuva serôdia e a terminação da obra de Deus. Todos eles terminarão no fim do tempo da graça, e desenvolver-se-ão em forma mais ou menos simultânea. Todos se acham intimamente relacionados e têm uma repercussão mútua. Durante o tempo da sacudidura, alguns membros se afastarão do redil, abandonarão a igreja, enquanto outros se firmarão na verdade. Alguns participarão no movimento de reforma que de uma maneira silenciosa estará ocorrendo, ao passo que outros, navegando na correnteza do mundanismo, e aderindo a hábitos e desejos pecaminosos, impureza, egoísmo, orgulho, luta pela supremacia, perderão a áurea oportunidade que Deus lhes concede de mudar suas vidas, purificar suas almas por meio da gratuita justiça imputada de Cristo, e receber o manto precioso da justiça comunicada pela fé e por uma entrega diária. Seu caráter será, desta maneira, transformado de acordo com o supremo exemplo de Jesus. Assim, enquanto alguns, plenamente limpos pelo sangue do Cordeiro e crescendo em espiritualidade dia após dia, estarão recebendo o selo de Deus, outros não pagarão o preço requerido, e no devido tempo receberão o sinal da besta. De igual maneira, o derramamento do Espírito de Deus durante a chuva serôdia, encontrará alguns plenamente preparados. E, mediante o poder do Espírito Santo e a vida convincente daqueles que estão plenamente convertidos e batizados pelo Espírito, milhares aceitarão a verdade num pequeno espaço de tempo, e a tarefa evangélica da igreja terminará em um resplendor de glória. A profecia de Apocalipse 18:1 se cumprirá em pouco tempo. Tudo isso ocorrerá antes do fim do tempo da graça. Estes cinco acontecimentos cessarão abruptamente na hora em que terminar o juízo investigativo e começar o tempo de angústia.” Pr. Fernando Chaij, “A Vitória da Igreja na Crise Final” pág. 13-14

“Abre a porta do teu coração. Arrepende-te. Compra de Mim o ouro da fé e do amor; o manto branco do caráter de Jesus, tecido nos teares do Céu, e o colírio do Espírito Santo. Se o fizeres, estarás entre a hoste triunfante dos que forem “vencedores da besta, da sua imagem, e do número do seu nome, que se acham em pé no mar de vidro, tendo harpas de Deus” (Apoc. 15:2). Mas estes remédios são eficazes agora, antes que termine o tempo de graça. E Jesus, o Médico do Céu, é a única fonte na qual podem ser obtidos. Ele é nossa única esperança, e a única maneira de os obtermos é mediante íntima experiência com Ele por meio de uma entrega cotidiana, tempo suficiente para oração particular diária e meditação na palavra. Além disto, é necessário um atuante testemunho em favor de Cristo.” Pr. Fernando Chaij, “A Vitória da Igreja na Crise Final” pág. 54

“Atualmente os quatros anjos estão retendo os ventos das  lutas e paixões, em obediência ao mandado de Deus. Quando, porém, começar o tempo de angústia, quando terminar o juízo investigativo e Cristo finalizar Sua obra intercessória, esses anjos soltarão os ventos. É Satanás quem destrói e acha prazer nisso. Deus apenas lhe permitirá fazê-lo porque terá terminado a hora de oportunidade, e já não haverá esperança nem possibilidade de arrependimento.” Pr. Fernando Chaij, “A Vitória da Igreja na Crise Final” pág. 57

“Por esse motivo, antes que o apóstolo amado termine a apresentação da sexta praga, ele insere estas palavras significativas de Jesus como uma preciosa gema para nossa vida espiritual. “Eis que venho como o ladrão. Bem-aventurado o que vigia, e  guarda as suas vestiduras, para que não ande nu, e não se veja a vergonha de sua nudez”. (Apoc. 16:15.) Este é o tempo áureo em que podemos dar a necessária atenção a nossa condição espiritual. Dentro de pouco será tarde para sempre. Quando se puser o sol da misericórdia, quando as nuvens do tempo de angústia avançarem para cobrir a Terra com trevas, Jesus não estará mais acessível para nos cobrir com o único manto de justiça que nos permita participar da festa das bodas. O Senhor da casa está mesmo agora examinando os hóspedes e observando se há algum que não esteja com as vestes nupciais.” Pr. Fernando Chaij, “A Vitória da Igreja na Crise Final” pág. 101

Já não haverá Mediador: Já não Existirá Graça

“Embora nos pareça difícil entender como os santos alcançarão um estado de impecabilidade ao fim do tempo de graça, porque já não haverá mais Mediador e, portanto, não haverá mais oportunidade para arrependimento, podemos confiar no Senhor e em Sua promessa, e aceitar ao pé da letra a Palavra de Deus. Temos que cumprir nossa parte, portanto. E nossa parte deve ser feita agora, quando o propiciatório está aberto, quando nosso grande Sumo Sacerdote ainda não abandonou o santuário celestial, quando ainda está intercedendo misericordiosamente pelos errantes mortais, quando o selamento se acha em processo.

O Senhor deu mais luz a esta última geração, mais conhecimento, mais incentivos espirituais do que a nenhuma geração anterior na História. Deus nunca exige uma impossibilidade, e Suas ordens são habilitações, se existe completa entrega a Ele e total determinação de obedecer-Lhe continuamente.

A parábola das dez virgens nos fala de um grande perigo: uma parte importante da igreja pode não se valer de todas as oportunidades que hoje são nossas, adiando a dedicação do tempo e do esforço necessários para alcançar uma experiência profunda com o Senhor.

Muitos adventistas abrigam o pensamento inconsciente de que temos tempo suficiente pela frente para enfrentar a realidade e começar uma séria obra de preparação para hora em que se pronunciar do Céu o decreto que finalizará o tempo de graça. Pomos ter nas mãos algum projeto favorito, algum programa de estudos, alguma comissão especial, alguma sobrecarga de trabalho. Essa tarefa pode encher de tal modo nossos dias que não nos deixe tempo suficiente para estar diariamente a sós com Deus, e levar a sério o esforço de obter o necessário azeite de reserva em nossas lâmpadas. O conselho de Jesus é que abandonemos o círculo das virgens loucas e comecemos  a prover-nos do óleo do Espírito, o qual nos dá um caráter preparado para a tribulação.” Pr. Fernando Chaij, “A Vitória da Igreja na Crise Final” pág. 60-61

Muitos adventistas abrigam o pensamento inconsciente de que temos tempo suficiente pela frente para enfrentar a realidade e começar uma séria obra de preparação para hora em que se pronunciar do Céu o decreto que finalizará o tempo de graça.”

Infelizmente, como afirmou o Pr. Fernando Chaij, nós, adventistas,  estamos hoje negligenciando a obra que o Senhor deseja fazer em nossas vidas. Somos confiantes que podemos adiar essa obra. Oremos pedindo que o Senhor nos guie na verdade não permitindo que o inimigo nos engane. Precisamos, além de tudo, alertar nossos irmãos.

É com tristeza que constatamos que pessoas que deveriam estar alertando nossos irmãos estão fazendo exatamente o contrário com mensagens do tipo, “o que não podemos é ser pecadeiros”. O pior é que este pensamento se espalha como fogo em erva seca.

Queridos irmãos oremos muito pedindo a orientação de Deus para aquilo que escrevemos, falamos e pregamos nos púlpitos. Pode acontecer que, além de perdermos a salvação, teremos também que responder pelo fato de termos contribuído para a perdição de outras pessoas.   

A seguir veremos alguns textos que nos revelam como e quando realmente devemos nos preparar para a salvação em Cristo Jesus.

“Enquanto se diz: Hoje, se ouvirdes a sua voz, não endureçais os vossos corações, como na provocação” Hebreus 3:15

“Mas vós, irmãos, não estais em trevas, para que esse dia como ladrão vos apanhe de surpresa; porquanto vós todos sois filhos da luz e filhos do dia; nós não somos da noite, nem das trevas. Assim, pois, não durmamos como os demais; pelo contrário, vigiemos e sejamos sóbrios. […] O mesmo Deus da paz vos santifique em tudo; e o vosso espírito, alma e corpo sejam conservados íntegros e irrepreensíveis para a vinda de nosso Senhor Jesus Cristo.” I° Tessalonicenses 5:4-6 e 23

“Visto que todas essas coisas hão de ser assim desfeitas, deveis ser tais como os que vivem em santo procedimento e piedade, esperando e apressando a vinda do dia de Deus, por causa do qual os céus, incendiados, serão desfeitos, e os elementos abrasados se derreterão. Nós, porém, segundo a sua promessa, esperamos novos céus e nova terra, nos quais habita justiça. Por essa razão, pois, amados, empenhai-vos por serdes achados por ele em paz, sem mácula e irrepreensíveis.”  2° Pedro 3:11-14

“Agora, enquanto nosso grande Sumo Sacerdote está a fazer expiação por nós, devemos procurar tornar-nos perfeitos em Cristo.Nem mesmo por um pensamento poderia nosso Salvador ser levado a ceder ao poder da tentação. Satanás encontra nos corações humanos algum ponto em que pode obter apoio; algum desejo pecaminoso é acariciado, por meio do qual suas tentações asseguram a sua força. Mas Cristo declarou de Si mesmo: “Aproxima-se o príncipe deste mundo, e nada tem em Mim.” João 14:30. Satanás nada pôde achar no Filho de Deus que o habilitasse a alcançar a vitória. Tinha guardado os mandamentos de Seu Pai, e não havia nEle pecado que Satanás pudesse usar para a sua vantagem. Esta é a condição em que devem encontrar-se os que subsistirão no tempo de angústia.Grande Conflito pág. 623

Deus seja para sempre louvado!

Anúncios

No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: